Smartphone No Trabalho

Smartphone no trabalho – como lidar com isso sem perder a produtividade?

Os celulares são uma tecnologia cada vez mais presente no cotidiano das pessoas, e no trabalho não poderia ser diferente. Então, como lidar com o smartphone no trabalho?

Esse é um assunto delicado, que levanta polêmicas e divide especialistas – e mais ainda os trabalhadores e empregadores, que se veem sem uma direção clara de como proceder diante dos smartphones.

Hoje, você vai descobrir como lidar com essa tecnologia sem deixar que ela afete o trabalho e a produtividade da sua empresa.

AFINAL, SMARTPHONE NO TRABALHO PODE OU NÃO PODE?

Essa decisão depende do empregador. É ele quem define as normas que deverão ser seguidas na empresa e o peso das punições para quem não as cumpre, o que também inclui o uso do celular durante o expediente.

O Poder Diretivo do Empregador permite a proibição de aparelhos móveis e smartphones no trabalho, mas não tem caráter de lei, já que fica a critério do empregador proibir ou não.

Entretanto, ainda que não seja razão para Justa Causa, o uso indiscriminado de celulares no ambiente de trabalho pode acarretar na demissão do funcionário, que pode ser atrelada a diversos outros fatores. Por isso, é preciso ter atenção.

COMO EVITAR O USO EXCESSIVO DE CELULARES NO TRABALHO

Existem duas opções: permitir a utilização dos celulares no trabalho e proibi-los. A questão é: como instituir as regras de forma com que todos colaborem?

Quando o uso de celular é vetado, é mais fácil garantir que todos os colaboradores sigam essa diretriz, ainda que possam haver exceções.

O ideal é conscientizar os colaboradores sobre a importância de manter o celular desligado e inacessível, a fim de priorizar a produtividade e garantir que tudo flua como o necessário.

Quando o uso de smartphone é permitido, controlar o ambiente e a sua utilização se torna um processo mais difícil. É preciso apelar para a consciência de todos os colaboradores, e garantir que os seus trabalhos terão prioridade sobre o uso de aparelhos que não são relacionados ao trabalho.

A grande pergunta que, aparentemente, ninguém sabe responder é: “o que eu devo fazer?”

Por um lado, podemos dizer que, enquanto vetar a utilização de celulares promove maior produtividade para o trabalho, também pode colaborar para reduzir a felicidade dos funcionários e, consequentemente, colaborar para a redução na produtividade a longo prazo.

É preciso, sempre, encontrar um meio-termo para situações que podem causar conflitos e encontrar um ponto de equilíbrio, visando o benefício mútuo. Dessa forma, é possível evitar problemas maiores e, de quebra, garantir que o funcionário se mantenha feliz.

Há, ainda, empresas que não encorajam e nem desencorajam a utilização dos smartphones no trabalho. Nesses casos, o funcionário pode permanecer com o aparelho no bolso, e ele pode permanecer ligado. Se o colaborador poderá utilizar o seu celular ou não é uma questão que somente a empresa pode decidir.

VOCÊ PODE FAZER DO SMARTPHONE UMA FERRAMENTA PARA O TRABALHO!

Utilizar o smartphone para a comunicação interna na empresa também se torna uma possibilidade. Dessa forma, você incentiva os seus funcionários a usar o smartphone no trabalho para suas tarefas diárias. Você pode conferir mais sobre tecnologia mobile para comunicação no trabalho aqui.

Por fim, converse. Dependendo do tamanho da sua empresa, será mais fácil dialogar com os funcionários para alinhar a comunicação e definir se os celulares no ambiente de trabalho são uma boa ideia ou não.

Se os seus colaboradores podem fazer uso do celular para aprimorar o trabalho, pode ser uma boa ideia fazer testes.

Se você tem dúvidas e quer conhecer soluções que podem tornar os smartphones mais úteis no trabalho, ou descobrir tecnologias para a comunicação interna, entre em contato com a Deltime! Tecnologia de ponta e soluções para os seus desafios são o nosso negócio!

Sucesso e até a próxima!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *