Edge Computing

Conheça a Edge Computing e antecipe-se à nova tendência do mercado!

Você já ouviu falar em edge computing alguma vez? Esse termo tem se tornado cada vez mais popular, principalmente por conta do risco que isso traz para a tecnologia atual.

Mas, calma! Isso não é algo necessariamente ruim. Depende do ponto de vista e do quão preparado você está para enfrentar as necessidades do mercado nos próximos anos.

A edge computing vem ameaçando, principalmente, as empresas que fornecem serviços de computação em nuvem, que é uma das principais ferramentas dessa década. Contudo, essa “ameaça”, vem por parte de um avanço tecnológico que promete tornar toda a tecnologia de armazenamento em nuvem obsoleta.

MAS O QUE É EDGE COMPUTING?

Se traduzirmos a palavra Edge ‘ao pé da letra’, obtemos algo similar a ‘de ponta’. Seria algo como Computação de Ponta.

Se nos dispusermos a compreender melhor o que isso significa, o termo fará mais sentido. Veja só!

Um exemplo que está se tornando cada vez mais presente no dia a dia das pessoas, ainda que não seja uma realidade para todos, é a existência dos carros autônomos. Esse tipo de veículo faz uso da edge computing, ao possuir uma central de processamento de dados dentro de si, não dependendo de conexão com a internet ou de obter dados da nuvem.

O fato de a máquina possuir um supercomputador dentro de si que, por sua vez, faz todos os cálculos e analisa todos os dados em uma velocidade impressionante, supera várias limitações da computação em geral.

A NUVEM SE TORNOU OBSOLETA?

Ainda não. Contudo, isso pode acontecer em um futuro próximo.

Especificar datas ainda é algo extremamente difícil, já que a tecnologia da edge computing ainda não se tornou suficientemente popular e acessível para a maior parte das pessoas.

E, se estiver perguntando o que causa essa obsolescência, saiba que é um tema sobre o qual já falamos anteriormente: a Internet das Coisas (Internet of Things).

A Internet das Coisas promete dominar diversos aspectos da vida moderna, tanto dos usuários comuns quanto do ambiente de trabalho. E, como você pode ler no nosso texto sobre o tema, essa nova tecnologia demanda uma enorme quantidade de processamento de dados, algo que a computação em nuvem não consegue atender.

Imagine que existe um elefante de informações tentando passar por um pequeno gargalo. Esse elefante é a Internet das Coisas, enquanto o gargalo é a nuvem.

Por enquanto, a nuvem ainda consegue se manter como a opção mais viável, mesmo para a Internet das Coisas. Mas, com o advento das novas tecnologias, isso pode mudar em breve.

O mundo tecnológico está evoluindo de forma constante. Por isso, é arriscado dizer que a substituição não ocorrerá tão cedo.

QUANDO AS EMPRESAS ESTÃO AMEAÇADAS PELA EDGE COMPUTING

A ameaça só existe quando há resistência à mudança. Quando uma empresa deseja manter a sua competitividade e se sustentar no seu ramo de atividade, é preciso inovar e se adaptar às novas tendências.

Por isso, o fim da computação em nuvem só se torna uma ameaça real para as empresas que fornecem esses serviços e para as que se apegam demais às tecnologias do presente, ignorando a certeza de que o futuro tecnológico é incerto e está sempre mudando.

É O FIM?

Embora a edge computing tenda a se tornar um padrão para o futuro, o armazenamento em nuvem ainda pode ser uma opção viável para alguns mercados e funções específicas.

Boa parte das tecnologias demora alguns anos para que o público geral venha a usufruir dos seus benefícios no dia a dia. Por isso, a nuvem ainda deverá ser uma rotina para tarefas simples como o armazenamento de arquivos pessoais, por exemplo.

O ideal é que as empresas estejam preparadas para adotar as novas tecnologias, conforme a demanda para isso for surgindo. Não adianta possuir tecnologia de ponta se os clientes não puderem usufruir dela de alguma forma.

Ainda não é o momento para se preocupar. Contudo, mantenha-se atualizado e garanta que o seu negócio estará 100% pronto para as atualizações que o futuro prepara.

Em caso de dúvidas, você pode consultar a Deltime a qualquer momento. Será um prazer conversar com você!

Até a próxima.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *