Chatbot

Chatbot, assistente virtual ou atendentes humanos – como a inteligência artificial pode te ajudar a reduzir custos em uma empresa e aprimorar o atendimento?

Essa é uma dúvida de muitos empresários que desejam aumentar seus lucros, reduzir os custos em uma empresa e transformar o atendimento de forma positiva. Contudo, a resposta varia muito de pessoa para pessoa, principalmente por conta da bagagem de conhecimentos e experiência de negócios que o empresário possui.

Mas, e aí, como fica essa situação?

Vamos pensar: quantos chatbots você conhece, que são realmente eficientes? Que não soam repetitivos e nem transparecem que são códigos programados para responder “x” em caso de perguntas que contenham a letra “y”?

Poucos, não é mesmo? Isso, por si só, já mostra uma grande ilusão: os chatbots podem parecer efetivos e, confesso que até certo ponto eles são. Contudo, é necessário programá-los muito bem para que o usuário se sinta realmente acolhido pelo atendimento virtual.

Com certeza, um chatbot é muito mais barato que um atendente real, uma pessoa. E, visto que não existem – ou existiam – muitas opções no mercado, o chatbot soa como uma excelente oportunidade para reduzir custos em uma empresa e aprimorar o atendimento.

Porém, essa situação já mudou. Conheça a inteligência artificial!

Fique calmo. Não imagine cenários apocalípticos como o Exterminador do Futuro. A Inteligência Artificial possui um potencial benéfico muito grande, e não precisa ser, necessariamente, utilizada para a guerra ou para colocar um fim na raça humana.

Existem inúmeros livros, filmes, quadrinhos, jogos e outros elementos da cultura popular que trazem a tecnologia como um aliado do homem. Algumas obras oferecem uma visão de distopia, onde o mundo mudou completamente e as pessoas são quase dependentes da tecnologia – mas, o quão distópico isso realmente é, visto que hoje não vivemos sem smartphones e computadores? Vale lembrar que a tecnologia avança cada vez mais e, hoje, já temos carros autônomos fazendo o trabalho de motoristas.

Veja Ghost in the Shell, tanto o filme quanto a animação, Blade Runner e Blade Runner 2049, Matrix (preferencialmente o primeiro). Só para começar.

Você enxergará os dois lados da tecnologia e poderá, dependendo da sua visão, enxergar os eventos da narrativa de outra forma.

Agora, voltando aos negócios… Vou te contar como a inteligência artificial pode impulsionar o seu atendimento!

Inteligência Artificial – a ferramenta que te ajuda a reduzir custos em uma empresa e a aprimorar o atendimento

Para os usuários da Apple, fica fácil imaginar como um atendente virtual pode ser inteligente e te ajudar a fazer praticamente tudo. A Siri, assistente de voz presente no iPhone, é capaz de fazer ligações por você, agendar reuniões, acessar aplicativos, criar alarmes e até mesmo responder suas perguntas.

A Cortana, da Microsoft, surgiu com um propósito parecido, embora não tenha encontrado o sucesso devido ao fracasso do Windows Phone. A assistente teve origem na série de jogos da franquia Halo, também da Microsoft e, na época, foi considerada um grande avanço. Já pensou ter uma assistente holográfica na tela do seu celular? A Microsoft certamente tinha planos para isso… Um dia!

Agora, a Google resolveu entrar na brincadeira com uma assistente de voz própria. Não, não é o irritante Google Now, mas sim uma versão que parece aprimorar todos os conceitos da Siri. Ao invés de simplesmente fazer ligações por você, a nova voz da Gigante da tecnologia FALA ao telefone por você, marca compromissos, pede comida, te ajuda a fazer praticamente qualquer coisa.

Toda a comunicação em um único lugar, para otimizar o atendimento e minimizar suas despesas!

Agora… Imagine centralizar toda a comunicação da sua empresa em um assistente de voz com essa capacidade. Pense em quantas pessoas poderiam ser realocadas e quanto dinheiro poderia ser reduzido – sem falar no tempo! Chega de perder tempo escrevendo mensagens longas, ligando para fornecedores e clientes, marcando reuniões etc.

Com a inteligência artificial, fica fácil pensar que, no futuro, o CEO não precisará nem mesmo ministrar uma reunião. Ele pode passar todas as diretrizes e referências para o atendente virtual, que comunicará as decisões aos sócios. A sua participação será reduzida em 90% nesses casos, o que permitirá maior dedicação de tempo para outras tarefas igualmente importantes. Uma excelente forma de reduzir custos em uma empresa!

Google IO – o futuro para reduzir custos em uma empresa?

Você pode ver um resumo do evento Google IO no vídeo abaixo, pelo Olhar Digital, que mostra um pouco de como essas inovações da Google estão transformando a Inteligência Artificial. Recomendamos que você busque essas soluções para o seu negócio, pois elas podem minimizar os gastos e o esforço para certas tarefas, otimizando seu tempo e habilidades.

Em caso de dúvidas, fale com a Deltime. Somos especialistas em tecnologia e nosso sucesso é voltado a gerar soluções para que você conquiste o SEU próprio sucesso.

 

Até mais!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *